quarta-feira, 20 de maio de 2009

eu me acerto...

Não pensa mais nada
No final dá tudo certo de algum jeito
Eu me acerto, eu tropeço
E não passo do chão

Pode ir que eu aguento
Eu suporto a colisão
Da verdade na contra-mão

Eu sobrevivo
E atinjo algum ponto
Eu me apronto pro dia seguinte
Escovo os dentes

Abro a porta da frente
Evito a foto sobre a mesa
E ninguém aqui vai notar
Que eu jamais serei a mesma.

Eu me acerto - Zelia Duncan

Um comentário:

Thaís disse...

No final da tudo certo de algum jeito...SEMPRE